Tag: dicas

5 razões para consultar um

5 razões para consultar um

Manchas e rugas são problemas de pele muito comuns. Mas, existem milhares de doenças que podem afetar a pele. Alguns causam sintomas leves. Outros podem ser sérios e interferir na vida cotidiana. Vermelhidão, coceira, dor , erupções cutâneas e pus são sinais de que você precisa consultar um dermatologista. Este médico é especialista no tratamento de pele, cabelo e unhas. Alguns tratamentos melhoram a aparência da sua pele. Exames regulares de câncer de pele podem salvar sua vida.

O QUE É UM DERMATOLOGISTA?

O QUE É UM DERMATOLOGISTA?

O dermatologista é um médico especializado em doenças que envolvem a pele, o cabelo e as unhas. Um dermatologista pode identificar e tratar mais de 3.000 doenças. Essas condições incluem eczema, psoríase e câncer de pele, entre muitos outros. A pele é um órgão incrível. É a sua 

O que acontece quando um implante se rompe?

O que acontece quando um implante se rompe?

Tanto os implantes salinos quanto os de silicone podem romper ou causar complicações. Aqui está o que você deve observar com cada tipo de implante, se você suspeitar que ele se rompeu.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Salina

  • Você provavelmente notará uma ruptura com solução salina imediatamente, porque a mama parecerá desinflada.
  • A solução salina é estéril e será reabsorvida pelo corpo.
  • Provavelmente, você precisará de uma cirurgia para remover a concha de silicone. Durante a cirurgia de remoção, o médico pode adicionar um novo implante.

Silicone

  • As rupturas de silicone são mais difíceis de detectar, pois o silicone pode ficar preso na cápsula fibrosa que se forma ao redor do implante após a cirurgia.
  • Isso às vezes é conhecido como vazamento silencioso , mas você pode notar uma ligeira mudança no tamanho do seio ou sentir endurecimento.
  • Se deixado sozinho, o vazamento de silicone pode causar dor nos seios ou fazer com que os seios mudem de formato.
  • Você precisará de cirurgia para remover implantes rompidos , durante a qual um novo implante pode ser inserido, se desejar.
  • Em média, os implantes mamários duram cerca de 15 anos antes da ruptura.

Comparação de custos

Na maioria dos casos, os implantes mamários são considerados cirurgia estética eletiva e não são cobertos pelo seguro. Os implantes também nem sempre são permanentes e muitas pessoas precisam substituí-los ou removê-los.

Os implantes de silicone são mais caros do que a solução salina

A cirurgia de implante mamário pode custar até US $ 12.000, e os implantes de silicone são mais caros do que a solução salina. Você também deve considerar o custo das ressonâncias magnéticas de acompanhamento, que são recomendadas a cada poucos anos para garantir que o silicone não vaze para o corpo.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Nem são opções permanentes garantidas

Nem solução salina nem silicone são opções permanentes garantidas. Até 20 por cento das pessoas têm seus implantes mamários removidos ou substituídos dentro de 8 a 10 anos, seja por causa de rupturas ou por razões estéticas. Na maioria dos casos, a cirurgia de remoção não será coberta pelo seguro.

Discuta suas opções com um cirurgião certificado

É sempre importante encontrar um cirurgião plástico credenciado e confiável para realizar sua cirurgia. Você pode usar esta ferramenta da Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos para encontrar um médico confiável perto de você.

Durante sua consulta inicial, é uma boa ideia pedir para ver fotos do antes e depois dos pacientes anteriores do cirurgião. Você e seu médico podem trabalhar juntos para encontrar o tipo de implante mais adequado para o seu corpo e necessidades específicas.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Principais conclusões

Implantes salinos e de silicone são geralmente considerados seguros, embora ambos tenham o potencial de ruptura, o que requer cirurgia adicional para correção ou remoção.

Muitos acham que o silicone parece e se parece mais com uma mama natural, no entanto, o soro fisiológico pode resultar em uma cicatriz menor, pois o invólucro do implante é inserido vazio e, em seguida, preenchido.

Sempre procure um cirurgião plástico credenciado e confiável que possa ajudá-lo a decidir se os implantes salinos ou de silicone são os mais adequados para você.

Acesse o site: https://adrianalembi.com.br/  e agende a sua consulta.

Fonte: https://www.r7.com

Cirurgia Plástica do Nariz: entenda como funciona

Cirurgia Plástica do Nariz: entenda como funciona

Uma plástica no nariz (tecnicamente chamada de rinoplastia) é uma cirurgia no nariz para mudar sua forma ou melhorar sua função. Isso pode ser feito por razões médicas – como para corrigir problemas respiratórios relacionados ao nariz ou corrigir desfiguração resultante de trauma ou defeitos de nascença. Também pode ser 

CRONOGRAMA DE RECUPERAÇÃO DE AUMENTO DE MAMA

CRONOGRAMA DE RECUPERAÇÃO DE AUMENTO DE MAMA

A tabela de tempo a seguir apresenta os marcos básicos do processo de recuperação de aumento de mama. Lembre-se de que sua experiência pode ser diferente: 1 dia após a cirurgia Imediatamente após a cirurgia, o cirurgião aplicará uma bandagem protetora (geralmente uso um sutiã de 

Indicações da Rinoplastia

Indicações da Rinoplastia

A rinoplastia é a cirurgia plástica indicada para quem está insatisfeito com o formato natural do nariz. Muitas vezes a cirurgia é associada a outros procedimentos nasais, como a correção do septo nasal e a turbinectomia, que é a retirada de parte dos cornetos nasais, a popular carne esponjosa, que costuma aumentar na presença de alergias, como a rinite. Geralmente, a rinoplastia pode ser feita a partir dos 15 anos de idade, fase em que o desenvolvimento facial do paciente já está concluído.

Fonte de reprodução: Getty imagens

A estrutura do nariz é complexa e varia em seu formato e estrutura conforme a etnia, raça, sexo, idade, genética, proporção facial, tipo de pele, entre outras especificações complexas de proporções de face. Esclarecido esse importante ponto, fica mais fácil compreender que não há como fazer um nariz igual ao de um “artista” determinado ou de uma “modelo”, já que cada um tem seu nariz dentro das suas harmonias e medidas  faciais, que possuem características diferentes em relação à face ou nariz. Quando se entende estes aspectos, é possível perceber que um nariz que é bonito em uma pessoa pode ser que fique em desarmonia com o conjunto facial de outra pessoa.

Importante informar ao médico

É importante informar ao médico caso haja queixas funcionais, como dificuldades de respirar, reações alérgicas frequentes ou qualquer outra queixa relacionada ao nariz, pois pode haver alguma deformidade anatômica que pode ser operada no mesmo tempo cirúrgico para melhora funcional. Nesses casos, pode haver a necessidade de um otorrinolaringologista para se alcançar esses resultados. O seu cirurgião lhe dará todas as explicações necessárias.

Orientações Pré-Operatórias da Rinoplastia

Deve-se evitar todo e qualquer medicamento para emagrecer, que eventualmente esteja fazendo uso, por um período de 30 dias antes do ato cirúrgico. Isto inclui também certos diuréticos. Não usar substâncias tóxicas ou drogas nas duas semanas antecedentes a cirurgia.

Não fumar nos 30 dias que antecedem a cirurgia e nas duas semanas de pós-operatório, pois poderá haver retardo da cicatrização. A menstruação não é impedimento, mas convém programar a cirurgia fora do período menstrual.Jejum de 08h antecedendo a cirurgia (inclui água também) – apenas tomar medicações de uso habitual, com o mínimo de água possível.

  • Não realizar depilação ou raspar pêlos do corpo se forem próximos à área que vai ser operada.
  • Não chegar com cabelo molhado no dia da internação
  • Trazer para internação TODOS exames e avaliações realizadas
  • Trazer receita médica ou a caixa dos medicamentos em uso
  • Não ingerir álcool por 5 dias antes da cirurgia
  • Não tomar sol intenso 14 dias antes da cirurgia
  • Lavar bem dentro do umbigo 1 (um) dia antes da cirurgia
  • Parar de fumar 30 dias ates da cirurgia e se não parou: AVISAR O MÉDICO.
  • Suspender medicações: Ácido Acetilsalicílico, o AAS, que é comercializado pelo nome de Aspirina, Bufferin,  ou qualquer outro que o contenha na sua composição, no período de 7 a 10  dias antes da cirurgia, assim como ticlopidina ou clopidogrel.
  • Suspender anticoagulantes naturais, Ginkgo Biloba, assim como orais (marcumar, marevan).
  • Suspender medicamentos para emagrecer e moderadores de apetite, como: anfetaminas, sibutramina, etc.
  • A paciente precisa deixar bem claro na consulta antes da cirurgia se toma qualquer tipo de antidepressivo, para avaliar a necessidade de suspensão ou não desta medicação antes da cirurgia.
  • Retirar esmalte e base, dentaduras, aliança, anéis, brincos, piercing,  pulseiras ou outros adornos
  • Trazer produtos de higiene pessoal para internação: escova de dente, toalha, chinelos, shampoo
  • No caso de dúvidas, a paciente deve entrar em contato com seu médico o qual  estará a disposição para esclarecimentos neste período pré-operatório.

Deve-se aproveitar para esclarecer dúvidas quanto aos riscos, complicações, medicações e tratamentos complementares pós-cirurgia, como drenagem linfática e tratamento de cicatrizes. Sugerimos que a paciente obtenha o maior conhecimento possível acerca de sua cirurgia neste período.

Fonte de reprodução: Getty imagens

A cirurgia do nariz – Rinoplastia

A operação pode levar de 1 a 3 horas. A anestesia pode ser local com sedação ou geral, levando em consideração a avaliação do anestesista e do cirurgião. A rinoplastia pode ser realizada pelas narinas (conhecida como cirurgia fechada) com material apropriado para operar as estruturas nasais sendo modificadas sem fazer incisões cirúrgicas com cicatrizes externas. Outra alternativa é a cirurgia com uma incisão externa (chamada cirurgia aberta), que possui uma incisão discreta na coluna nasal (a estrutura nasal entre as narinas) e no resto do nariz, mas deixa cicatrizes muito discretas no local da incisão cirúrgica.

A indicação de cirurgia aberta ou fechada será feita em cada caso na consulta, já que as particularidades existem, assim como as alternativas para tratá-las. Pode ser que haja necessidade de usar tampões nasais que permanecerão 1 ou 2 dias no pós-operatório. Neste período o(a) paciente deverá respirar pela boca. O curativo quase sempre envolve  um gesso ou um  material plástico moldável em cima do nariz com a função de imobilizar as estruturas nasais e controlar o edema durante os primeiros 7 dias, conferindo o repouso e estabilização necessários à cicatrização. Após a retirada do gesso nasal a paciente pode manter por algum tempo ainda curativo de micropore somente por cima do nariz, ajudando no controle de edema e como um auxilio na estabilização nasal.

Orientações pós-operatórias da Rinoplastia

  • Não trocar ou manipular os curativos, mesmo que haja um pequeno sangramento. Todas as trocas de curativos serão feitas no consultório.
  • Dormir com a cabeceira elevada (por exemplo, com dois travesseiros), para diminuir o edema (inchaço).
  • Ingerir alimentos fáceis de mastigar mornos ou frios, nada muito quente nos primeiros 6 dias.
  • Caso apareçam equimoses (manchas roxas) nas pálpebras e na face, aplicar compressas frias de gaze embebida em soro fisiológico sobre os olhos, durante 20 minutos, a cada 2 horas, durante  4 dias.
  • A retirada dos pontos ocorrerá no consultório.
  • Não se expor ao sol enquanto houver manchas roxas na face (equimose), ou pelo menos 1 mês.
  • Evitar esbarrões ou contusões, pois o risco de fratura nasal é maior durante 3 meses.
  • Dormir de barriga para cima por 3 semanas. É proibido dormir de bruços ou de lado pelo risco de mobilização da fratura nasal.
  • O gesso nasal será retirado após 1 semana no consultório/hospital.
  • Pode haver sangramento leve, de pequeno volume, ou coriza avermelhada nos 5 primeiros dias após a cirurgia. Se for considerado de médio a grande volume o paciente deve entrar em contato com o médico e ir ao Pronto Socorro.
  • Massagens nasais são estimuladas a partir de 2 semanas após a cirurgia. Como fazê-las será explicado nas consultas.
Fonte de reprodução: Getty imagens

É Proibido, pois pode provocar alteração no resultado:

  • Assoar o nariz durante a primeira semana;
  • Alimentos muito quentes ou duros, durante os primeiros 4 dias;
  • Banho com água muito quente;
  • Abaixar a cabeça bruscamente;
  • Exposições prolongadas ao sol, por 2 meses;
  • Exercícios físicos, durante as primeiras 3 semanas;
  • Uso de óculos durante as primeiras 4 semanas;

Fonte: https://www.r7.com

Dr. Frederico Vasconcelos Cirurgião Plástico BH responde: quem não deve considerar uma cirurgia de abdominoplastia?

Dr. Frederico Vasconcelos Cirurgião Plástico BH responde: quem não deve considerar uma cirurgia de abdominoplastia?

Em uma entrevista esclarecedora com Dr. Frederico Vasconcelos ele esclarece quais são os ricos e benefícios da cirurgia de abdominoplastia, além de responder as duvidas frequentes dessa cirurgia. Se você é uma mulher que planeja engravidar , pode adiar a abdominoplastia até terminar de ter filhos. Durante a 

Existem riscos ou efeitos colaterais

Existem riscos ou efeitos colaterais

As complicações da lipoescultura são raras. Os efeitos colaterais mais comuns são pele enrugada e protuberância. Se você tiver algum dos seguintes efeitos colaterais menos comuns, mas graves, consulte o seu médico: má reação à anestesia coágulo de sangue ou seroma mudanças permanentes na cor da pele infecção 

Tudo para saber sobre a recuperação de lipoaspiração

Tudo para saber sobre a recuperação de lipoaspiração

A lipoaspiração é o segundo tratamento de cirurgia estética mais popular. É um procedimento importante que remove a gordura indesejada em certas áreas do corpo. O médico realiza essa cirurgia esculpindo e contornando as áreas do corpo para remover permanentemente as células de gordura.

As áreas do corpo que recebem esta cirurgia geralmente incluem:

  • abdômen
  • quadris
  • nádegas
  • coxas

É importante observar que existem limites para o volume de gordura que pode ser removido com segurança (cerca de 5 litros), principalmente para uma cirurgia ambulatorial.

Se você está pensando em fazer uma lipoaspiração, aqui está o que você precisa saber sobre o processo de recuperação, incluindo quanto tempo levará e dicas que podem ajudá-lo a curar mais rápido.

O que esperar

De acordo com cirurgião plástico certificado, a recuperação pode ser dividida em duas categorias: imediata e a longo prazo. “A recuperação imediata, ou seja, quando você pode voltar ao trabalho, depende das áreas que são lipoaspiradas e da técnica utilizada”. Isso pode levar de 5 a 7 dias antes de você voltar ao trabalho e de 4 a 6 semanas antes de voltar às atividades físicas, como exercícios. Uma recuperação de longo prazo geralmente dura 3 meses. Isso permite que o inchaço diminua.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Estágios de recuperação da cirurgia

  • Imediatamente após a cirurgia. Seu médico usará uma cinta de compressão para colocar pressão nas áreas que foram lipoaspiradas. “Quando realizamos a cirurgia, usamos uma solução que contém anestésico, então inicialmente não é tão desconfortável”, diz Rahban.
  • Algumas horas após a cirurgia. Depois que o efeito da anestesia passa em algumas horas, geralmente começa um desconforto moderado. O nível de dor depende da área onde você recebeu a lipoaspiração. É recomendável que você passe a noite no hospital para que seu médico possa observar quaisquer mudanças de fluidos e desidratação.
  • 3 a 5 dias após a cirurgia. Você voltará ao médico para remover as roupas e ele verificará as incisões da cânula.
  • Primeira semana e depois. “Após a primeira semana, pedimos aos pacientes que façam uma massagem suave para movimentar o fluido acumulado, alisando a área”, diz Rahban. “E então, nas próximas semanas, pode-se esperar que o inchaço diminua gradativamente com o tempo.”

Lembre-se de que o processo de recuperação varia para cada pessoa e para o tipo de lipoaspiração realizada.

Pontas

Essas dicas podem ajudá-lo a se sentir mais confortável durante a recuperação. Eles também podem ajudá-lo a curar mais rápido.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Use compressão

Primeiro, você vai querer usar uma roupa de compressão para promover conforto e cura.

“O uso de vestimentas de compressão nas primeiras 72 horas após a lipoaspiração é fundamental para acelerar a drenagem de grandes volumes de fluido anestésico, acelerar o processo de recuperação e reduzir a dor, inchaço e hematomas”.

“Os cirurgiões variam na duração que recomendam para as roupas de compressão, mas normalmente são usadas por 4 a 6 semanas para evitar hematomas e ajudar a pele a aderir ao seu novo contorno”.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Outras dicas

  • Algumas horas após a cirurgia, você sentirá dores. Este é um bom momento para fazer seu sangue fluir levantando-se e caminhando. Este tipo de exercício leve deve ser repetido durante a recuperação.
  • Depois de tirar as bandagens, Rahban sugere aplicar glacê nas áreas da lipoaspiração para aliviar qualquer desconforto.
  • Tome medicamentos antiinflamatórios para o alívio da dor.
  • A massagem linfática pode ajudar a diminuir o inchaço. Experimente 1 semana após a lipoaspiração.

 Fonte: https://www.r7.com

O que você precisa saber sobre sua recuperação de lipoaspiração

O que você precisa saber sobre sua recuperação de lipoaspiração

Embora a lipoaspiração seja bastante segura e possa ajudar a remover com sucesso as bolsas de gordura teimosas do corpo, ainda é um procedimento cirúrgico que requer cuidado e atenção para uma recuperação adequada. Saber o que esperar após a cirurgia pode ajudar a tornar o